O celular mais livre do mundo

Publicado em 26/03/2008 às 8:38 | 14734 leituras

Durante a Bossa Conference, a Linux Magazine conversou com Mickey Lauer sobre o primeiro telefone celular a contar com um kernel Linux e aplicativos também livres. Mickey está envolvido com o projeto desde o início; ele nos contou um pouco da história da idéia de fabricar um smartphone o mais livre possível, como a FIC se interessou pelo dispositivo e o que ele prevê para o futuro do aparelho.


Versão para impressão Enviar por email


Durante a Bossa Conference, a Linux Magazine conversou com Mickey Lauer sobre o primeiro telefone celular a contar com um kernel Linux e aplicativos também livres, o OpenMoko. Mickey está envolvido com o projeto desde o início; ele nos contou um pouco da história da idéia de fabricar um smartphone o mais livre possível, como a FIC se interessou pelo dispositivo e o que ele prevê para o futuro do aparelho.



Mickey Lauer

Linux Magazine» Como você se envolveu com o OpenMoko?



Mickey Lauer» Meu trabalho com o OpenMoko, na realidade, começou quando a HP entrou em contato com minha empresa para que instalássemos o Linux no iPaq. Esse trabalho foi muito bom, porque criamos mais e mais softwares para diversos dispositivos. Porém, o problema era que ainda não tínhamos uma plataforma para GSM. Alguns fabricantes de celulares já usavam Linux em seus aparelhos — Motorola, por exemplo — mas o único código que eles liberavam era do kernel, pois era obrigatório, enquanto os aplicativos eram proprietários. Ou seja, não era possível acrescentar nada a esses telefones, pois o código-fonte não estava disponível.



“A FIC tem como objetivo vender hardware, e eles sabem que um bom software é essencial para isso.”



Quanto ao hardware, também havia um problema. Tínhamos o projeto OpenEZ, que na realidade foi o que me fez entrar no projeto OpenMoko. O OpenEZX, mais especificamente, tinha como objetivo portar um kernel 2.6 para a plataforma EZX da Motorola, fornecendo ainda todo um conjunto de softwares livres sobre essa camada. No entanto, sem o apoio do fabricante do hardware, lutamos durante alguns anos e ainda não conseguimos grande progresso.



LM» E foi então que a FIC entrou?



ML» Sim. Felizmente, a FIC entrou em contato conosco para saber o que desejávamos. Após explicarmos que precisaríamos de uma plataforma de hardware aberta, a FIC concordou que isso poderia ser um grande projeto. Então, os dois lados concordaram em colaborar para tornar esse projeto uma grande empreitada.



Telefone OpenMoko inicializando

Com a plataforma em mãos, conseguimos em poucos meses o que não havíamos alcançado com o OpenEZX. E assim surgiu a OpenMoko Inc., com o objetivo de tornar o cenário o mais aberto possível. Infelizmente isso não inclui a pilha GSM, que, caso fosse aberta, impediria a certificação do telefone, que então não poderia ser habilitado em nenhum país, permanecendo como apenas um PDA. Até mesmo Richard Stallman concorda com essa exigência, então não acreditamos que seja necessário combater esse segmento especificamente.



Já em junho de 2007 conseguimos pôr à venda no mercado o primeiro protótipo do telefone, o Neo1973. Para nossa surpresa, e também da FIC, as 3 mil unidades se esgotaram em poucos dias. Ou seja, existe a demanda para esse aparelho.



LM» Quais os planos para o futuro?



ML» A próxima evolução do celular, o Neo Freerunner, deve ser comercializada daqui a aproximadamente dois meses. Mas fabricar hardware é bem mais difícil do que imaginamos. Há muitos pequenos detalhes que acabam atrasando o projeto em alguns dias ou semanas, e os prazos se estendem. Agora, finalmente, acreditamos ter um conjunto pronto para produção, o que deve ocorrer no final de abril. Liberamos todas as especificações possíveis, tanto de hardware quanto de software, e o aparelho terá todos os recursos mais desejados no mercado, com bluetooth, wi-fi, dois acelerômetros — ou seja, um grande playground para os hackers do Software Livre se divertirem e criarem novos usos e aplicativos.



Na realidade, nem eu imagino todas as possibilidades para esse dispositivo. Acho que exercemos somente uma pequena parte de todo o potencial da máquina. É verdade que temos um cliente SMS e um reprodutor multimídia, mas todos já têm isso. O valor do OpenMoko é exatamente prover uma base para a experimentação, para que os usuários possam implementar o que desejam que seus smartphones façam, promovendo a inovação.



LM» Como vocês pretendem promover o desenvolvimento de aplicativos adicionais para o aparelho?



ML» Desenvolvemos a interface gráfica do OpenMoko com componentes da GTK, Qtopia e Enlightenment, e ainda não sabemos ao certo em qual direção seguir. Mas temos certeza de que precisamos ter o middleware correto. Se essa parte estiver funcionando bem, será fácil conectar todos os outros componentes, como telefonia, GPS, rede sem fio e outros, tudo sobre uma interface fácil e conveniente. Então, no momento, o middleware é nosso foco.



LM» Quais partes do projeto são abertas? E quais jamais serão?



ML» A FIC tem como objetivo vender hardware, e eles sabem que um bom software é essencial para isso. Com uma plataforma aberta, acreditamos que serão desenvolvidos aplicativos realmente impressionantes e inovadores para esse celular, com grandes chances de impulsionar as vendas. Atualmente, a FIC não tem como competir com os maiores players do mercado de smartphones. Porém, se eles conseguirem conquistar o nicho dos desenvolvedores, talvez consigam começar a capturar a atenção dos interessados em tecnologia. Em seguida, nosso objetivo é que até mesmo os usuários não-técnicos também se interessem pelo aparelho.



A única forma de garantirmos a esse processo a velocidade que desejamos é tendo tudo aberto. E gostaríamos muito de ter todas as partes dessa máquina abertas, até mesmo os esquemas do hardware. Porém, na Ásia serão precisos dois meses para que esse hardware seja copiado por outros fabricantes e vendido a preços inferiores aos nossos, atrapalhando os negócios da FIC. Caso divulgássemos até os esquemas do hardware, esse tempo seria de duas semanas.



Ainda assim, disponibilizamos gratuitamente os arquivos CAD do projeto externo do aparelho, o que permite que os interessados criem seus próprios visuais para o aparelho.



Outra parte muito importante é o gerenciamento de energia. Nós conseguimos convencer aos engenheiros da FIC a publicar os esquemas da unidade de gerenciamento de energia do celular, pois todos sabemos que se trata de uma parte crucial do produto.



LM» Mas se o Neo Freerunner é compatível com um kernel Linux 2.6, ele também será compatível com concorrentes, como o Android, por exemplo.



ML» Teoricamente, sim. Entretanto, na prática, isso depende de dois fatores: em primeiro lugar, temos apenas binários do Android, que não foi oficialmente lançado. Além disso, o Android é feito para dispositivos ARM5, enquanto o OpenMoko, no momento, utiliza processadores ARM4. Isso significa que, ainda que se conseguisse rodar o Android no Neo Freerunner, ele provavelmente ficaria lento demais.



Em relação ao código-fonte, o Google liberou apenas os códigos que precisam obrigatoriamente ser liberados, enquanto nós contamos com Software Livre em todas as partes possíveis.



LM» O sistema do OpenMoko, atualmente, usa o projeto OpenEmbedded para gerar os binários, e teoricamente seria possível usar qualquer distribuição Linux no aparelho. O lançamento do Ubuntu Mobile and Embedded (UME) deve afetar de alguma forma o mercado do OpenMoko?



ML» Não. Já conversamos com os responsáveis pelo UME, e essa distribuição é destinada a UMPCs, dispositivos localizados entre laptops e telefones celulares. Ao menos no início, eles disseram não ter planos de portar o UME para smartphones. No entanto, se pudermos colaborar em algum momento no futuro, isso será ótimo.



LM» Existem planos de lançar uma versão do Neo Freerunner com menos recursos e custo mais baixo?



ML» É muito provável que venhamos a ter duas linhas de produtos no futuro. Uma delas provavelmente terá uma resolução menor, como WQVGA (428x240), e também incluiremos o suporte à transferência de dados por 3G. No final, deveremos ter um modelo mais barato que o atual e outro ainda mais poderoso que aquele que temos hoje, com uma tela maior e processador mais veloz.



LM» Quando o Neo Freerunner será comercializado no Brasil?



ML» A OpenMoko está procurando distribuidores, e já recebemos o contato de empresas brasileiras interessadas. A questão das tarifas de importação é grave, então, infelizmente não podemos garantir nada.

Comentários


Outras notícias

Livro sobre Métodos Ágeis disponibilizado livremente

Publicado em: 14/02/2019 às 15:20 | leituras |

"Scrum - Projetos Ágeis e Pessoas Felizes", de autoria de Cesar Brod, disponibilizado de forma livre (Creative Commons) para download e consulta.

Papo de SysAdmin vai lançar Club DevOps

Publicado em: 19/01/2019 às 17:53 | leituras |

Plataforma deverá ser ambiente para reciclagem e capacitação em tecnologias DevOps.

Assespro-PR é o mais novo parceiro de canal do LPI no Brasil

Publicado em: 18/12/2018 às 11:10 | leituras |

A Assespro-PR — Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação —, e o Linux Professional Institute – LPI, firmaram uma parceria que deverá beneficiar as empresas associadas à Assespro-PR, bem como contribuir para a profissionalização do mercado de Software Livre e de Código Aberto no Paraná.

Linux Developer Conference Brazil: faltam poucos dias!

Publicado em: 14/08/2018 às 11:57 | leituras |

Evento será realizado nas dependências da UNICAMP, em Campinas, nos dias 25 e 26 de agosto.

Leitor da Linux Magazine paga meia para entrar no FISL18

Publicado em: 06/07/2018 às 21:05 | leituras |

Parceria entre a ASL.org e a Linux Magazine disponibiliza código promocional que fornece 50% de desconto na inscrição para o FISL18.

DevOpsDays chega a Maringá pela primeira vez

Publicado em: 20/03/2018 às 18:25 | leituras |

O DevOpsDays terá sua sétima edição no Brasil sendo sediada na cidade de Maringá, no Paraná, dias 23 e 24 de março, no Sebrae. O evento acontece em mais de 40 países e nele foi criado o termo "DevOps" (em 2009, na cidade de Gante - Bélgica).

SENAI/Fatesg promove segundo Meeting Hacker Senai

Publicado em: 18/02/2018 às 12:47 | leituras |

No dia 24/02/2018 a partir das 8:00h, o SENAI/Fatesg realizará o segundo Meeting Hacker Senai, com a participação do LPI, da Infomach e da Barketilly.

Certificações LPI: o caminho para turbinar a sua carreira

Publicado em: 13/10/2017 às 15:50 | leituras |

O Linux Professional Institute (LPI) oferecerá provas de certificação na Latinoware, em Foz do Iguaçu, em outubro, na Poticon, em Natal e no FGSL em novembro. Fique antenado! Este artigo elenca as últimas novidades sobre o LPI.

Blog do maddog: Ambientes de nuvem privada virtual

Publicado em: 06/10/2017 às 14:09 | leituras |

O Subutai é uma solução de nuvem de código aberto, ponto a ponto (P2P), segura e estável, que cria ambientes de nuvem privada virtual (VPC) para usuários finais usando um modelo de nuvem de contêineres como serviço (CaaS). O usuário final pode instalar qualquer tipo de serviço, aplicativo ou software de infraestrutura que desejar nas máquinas em execução nessa nuvem.

Ambientes de nuvem privada virtual

Publicado em: 06/10/2017 às 13:23 | leituras |

O Subutai é uma solução de nuvem de código aberto, ponto a ponto (P2P), segura e estável, que cria ambientes de nuvem privada virtual (VPC) para usuários finais usando um modelo de nuvem de contêineres como serviço (CaaS). O usuário final pode instalar qualquer tipo de serviço, aplicativo ou software de infraestrutura que desejar nas máquinas em execução nessa nuvem.

4Linux abre vagas para Líder Técnico em São Paulo e Brasília

Publicado em: 25/07/2017 às 14:12 | leituras |

A 4Linux — uma empresa líder em soluções Open Source e em práticas DevOps — está procurando profissionais para trabalhar como gerente técnico, que tenha bons conhecimentos em Linux e Softwares Livres. São duas vagas: uma para trabalhar em Brasília e outra para São Paulo.

Seminário sobre gestão de privilégios do Linux dá direito a certificado CPE

Publicado em: 23/05/2017 às 10:35 | leituras |

O evento irá abordar a forte disseminação de sistemas Linux em toda a estrutura de informação e mostrará a importância de técnicos da área serem capazes de identificar rotas, especificar controles de acesso para usuários Linux e monitorar a atividade privilegiada do usuário ao longo da rede de informação e, especialmente, na complexidade da nuvem. Participantes poderão requerer gratuitamente os créditos de CPE (Continuing Professional Education).

Novas vagas para os minicursos do WikiLab

Publicado em: 16/05/2017 às 11:59 | leituras |

Novas vagas abertas para os minicursos do WikiLab. Todos que já apoiaram ou apoiarem o projeto WikiLab no Catarse (com qualquer valor) podem participar.

Novo evento "Universidade Livre" será realizado em Belém/PA em 06/05/2017

Publicado em: 28/04/2017 às 11:19 | leituras |

Novo evento sobre Software Livre será realizado no Instituto de Estudos Superiores da Amazônia (IESAM).

Soluti Certificação Digital em busca de especialista Linux

Publicado em: 19/04/2017 às 17:18 | leituras |

A Soluti Certificação Digital está em busca de um profissional para atuar como especialista Linux em Goiânia.

Vaga para analista de TI com experiência em ECM/GED, BPM e BI

Publicado em: 16/12/2016 às 11:12 | leituras |

Renomada empresa de serviços de consultoria em TI, está em busca de um analista de TI para trabalhar em projetos de implementação de soluções ECM/GED, BPM e BI usando os sistemas Alfresco, Activiti, Bonita, Camunda e SpagoBI.

Nova versão do Scalix Groupware oferece suporte completo a IBM Power & IBM Mainframes

Publicado em: 14/12/2016 às 12:59 | leituras |

A nova versão dá liberdade de escolha às empresas para usar as tecnologias mais modernas oferecidas pelo mercado como base para sua solução de e-mail e colaboração

Software Livre e de Código Aberto: uma questão de economia, não de política

Publicado em: 12/11/2016 às 12:36 | leituras |

Os argumentos apresentados neste artigo são todos aspectos econômicos, e não aspectos políticos. Decisões baseadas em política (e não em economia) devem ser lembradas pelos eleitores nas próximas eleições.

Lançamento: E-book E-mail e Colaboração no Século XXI (grátis)

Publicado em: 29/09/2016 às 9:15 | leituras |

A Linux Magazine, em parceria com a Scalix Brasil e a Linux Solutions, acaba de lançar o novo ebook da série "Technology Report": E-mail e Colaboração no Século XXI. Baixe gratuitamente!

Oportunidade na 4Linux - Vaga para Brasília

Publicado em: 25/08/2016 às 9:58 | leituras |

A 4Linux, empresa de consultoria e treinamento especializada em tecnologia Open Source, está em busca de um profissional com o perfil de analista de infraestrutura Linux pleno, para atuar em Brasília.

Lançamento: E-book 101 dicas para usar o Linux como um Profissional (grátis)

Publicado em: 01/08/2016 às 8:19 | leituras |

Baixe gratuitamente o e-book "101 dicas para usar o Linux como um Profissional", contendo os principais conselhos para não se apertar no seu trabalho ao usar e configurar o sistema do pinguim.

Sicoob adota soluções de código aberto e triplica rede de associados

Publicado em: 19/07/2016 às 12:22 | leituras |

A partir do projeto, a empresa pôde substituir mais de 500 servidores físicos de pequeno porte, consolidando todas as transações em três mainframes e 15 máquinas Intel de alto desempenho (high end).

BrodTec é a nova revenda Scalix na Região Sul

Publicado em: 30/03/2016 às 11:20 | leituras |

No mês de março, a Scalix firmou parceria com a BrodTec para que a empresa seja o seu represente oficial no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina.

Linux Professional Institute anuncia seu novo Diretor de Desenvolvimento Regional para o Brasil

Publicado em: 21/03/2016 às 18:51 | leituras |

Há muito tempo incentivando softwares livres e de código aberto, Cesar Brod é, agora, o responsável do instituto para ampliar a formação e certificação em Linux no Brasil.

ASL.Org lança campanha de doação para realizar o FISL17

Publicado em: 05/02/2016 às 21:20 | leituras |

A Associação Software Livre (ASL.Org) iniciou nesta quinta-feira (4) uma campanha de arrecadação de fundos para a continuidade de seus trabalhos, entre eles a organização da 17ª edição do Fórum Internacional Software Livre (FISL17), que acontece de 13 a 16 de julho em Porto Alegre.


Mais notícias


lançamento!

LM 119 | Backup e Restauração




Impressa esgotada
Comprar Digital  R$ 10,90 Digital

  1. Soluti Certificação Digital em busca de especialista Linux

    Publicado em 19/04/2017 às 17:18 | 627564 leituras

  1. Seminário sobre gestão de privilégios do Linux dá direito a certificado CPE

    Publicado em 23/05/2017 às 10:35 | 544924 leituras

  1. Baixe o curso de shell script do Julio Cezar Neves

    Publicado em 07/04/2008 às 19:41 | 526625 leituras

  1. 4Linux abre vagas para Líder Técnico em São Paulo e Brasília

    Publicado em 25/07/2017 às 14:12 | 391741 leituras

  1. Novo evento "Universidade Livre" será realizado em Belém/PA em 06/05/2017

    Publicado em 28/04/2017 às 11:19 | 334767 leituras

  1. Um novo OpenIndiana

    Publicado em 19/09/2011 às 17:39 | 16244 leituras

  1. Brecha em conexão segura permite roubar dados pessoais, diz estudo

    Publicado em 12/03/2014 às 11:18 | 11951 leituras

  1. Apple ultrapassa RIM e agora é a quarta maior fabricante de celulares

    Publicado em 01/11/2010 às 18:12 | 13434 leituras

  1. Zeus: polícia prende distribuidores, mas criador do malware ainda está solto

    Publicado em 06/10/2010 às 13:12 | 12049 leituras

  1. Pacote de benchmark para Linux

    Publicado em 08/04/2008 às 13:11 | 18027 leituras

whitepapers

mais whitepapers