OOXML: Decisão sai hoje. Um retrato da situação atual...

Publicado em 31/03/2008 às 22:30 | 19392 leituras

Assim como o Brasil, Canadá, Cuba, França, Japão e Índia — para citar apenas alguns — já haviam se posicionado contra a proposta da Microsoft de tornar o formato de arquivos de aplicativos para escritório Office Open XML (OOXML) um padrão ISO. Do outro lado, Estados Unidos, Suíça, Alemanha e Polônia, já haviam se manifestado a favor da padronização — nesses três últimos países, entretanto, muitas vozes se levantaram questionando a legitimidade do processo de votação, bem como denunciando irregularidades nesse processo. Dia 29/03 foi o último dia para que os países membros da ISO pudessem rever ou confirmar a sua posição na primeira rodada do processo decisório (de setembro de 2007). Dia 31/03 (hoje) deveremos ter finalmente o resultado, e a Linux Magazine traz aqui uma retrospectiva dos fatos que marcaram o processo desde a primeira rodada de votação.


Versão para impressão Enviar por email


Por Rafael Peregrino da Silva



Dia 29/03 foi o último dia para que os países membros da Organização Internacional para Padronização (em inglês: International Organization for Standardization — ISO) pudessem rever ou confirmar o voto dado na primeira rodada do processo decisório relativo à padronização do controverso formato de arquivos proposto pela Microsoft, o Office Open XML (OOXML), ocorrida em setembro de 2007. Ao todo, 157 países foram convocados para decidir definitivamente se aceitavam que o OOXML fosse declarado um padrão ISO, através de um processo conhecido como fast-track, possível apenas porque o padrão proposto já é um padrão ECMA.



Assim como o Brasil, Canadá, Cuba, França, Japão e Índia — para citar apenas alguns — já haviam se manifestado contra a padronização. Especialmente a posição da França teria sido uma surpresa amarga para a Microsoft, que, de acordo com diversos observadores, esperava pelo menos uma abstenção, o que não foi o caso: segundo matéria publicada no jornal Les Echos, "a França deverá se unir ao Brasil, à Índia e à Cuba para dizer 'não' à Microsoft". Entretanto, há boatos de que ninguém menos que o próprio Bill Gates estaria em contato com a Associação Francesa de Normatização (do francês, Association Française de Normalisation — AFNOR), no intuito de oferecer "aconselhamento" à associação no que tange à especificação proposta de formatos de arquivos de aplicativos de escritório.



Surpreendente deverá também ser a mudança de um claro 'não' à especificação, para um decidido 'sim' ao OOXML, por parte do Instituto Britânico de Padrões (do inglês, British Standards Institution — BSI). Segundo relatos de observadores do trabalho do comitê executivo do BSI na Inglaterra, somente a IBM teria se manifestado a favor da especificação concorrente, o Open Document Format, que já é um padrão ISO, e se posicionado contra o formato proposto pela Microsoft.



A Associação Suíça de Normas (do alemão, Schweizerische Normenvereinigung — SNV), deverá votar a favor da padronização, segundo informações do portal de tecnologia alemão heise Online, que alega dispor de um documento oficial com essa informação, de autoria do próprio presidente do comitê suíço correspondente (o UK14), Hans-Rudolf Thomann. O processo no comitê suíço teria, no entanto, apresentado irregularidades, uma vez que, segundo uma petição encaminhada aos membros do órgão pela Free Software Foundation Europe (FSFE), "os erros constatados nas mais de 6.000 páginas da especificação poderiam somente, de acordo com o comitê, levar a uma rejeição do formato como padrão ISO." Esse seria o consenso a que a maioria dos membros do comitê teria chegado após a análise técnica da especificação proposta e, mesmo que a direção da SNV, por conta de questões regimentais, não possa aceitar o 'não' do grupo de trabalho correspondente, a associação deveria se posicionar a favor de uma abstenção junto à ISO. "Não se pode admitir a criação de regras novas apenas para aceitar o OOXML."



O presidente do comitê suíço contestou a petição da FSFE com o argumento — que, ao nosso ver, carece de substância — de que ao menos não teria havido nenhuma piora na especificação da Microsoft, e que somente uma tal piora justificaria um 'não' à proposta de padronização. Os comentários do voto anterior da SNV ("Sim, com comentários"), que traziam uma série de sugestões de melhorias para a especificação, não teriam que ser considerados em sua totalidade, e não pesam contra o seu aceite. O voto a favor da proposta, emitido em setembro do ano passado, seria independente dos comentários formulados. Segundo Hans-Rudolf Thomann, somente um voto "Não, com comentários", obrigaria a Microsoft a considerar os comentários e fazer as alterações sugeridas. Por isso, a petição para modificar o posicionamento da Suíça a respeito da especificação não teria substância.



O processo de votação no comitê polonês foi também alvo de acusações de irregularidade, conforme noticiamos recentemente. Neste caso, as acusações são ainda mais graves, contando com nuances "picantes" e um processo de votação totalmente arbitrário. De acordo com informações coletadas do site polishlinux.org, a presidente do comitê executivo do Bureau Polonês de Normatização (do polonês, Polski Komitet Normalizacyjny — PKN), Elżbieta Andrukiewicz, numa situação sem precendentes nos 84 anos de existência do referido bureau, teria escondido uma carta do presidente do próprio PKN, Tomasz Schweitzer, segundo a qual, em vista da falta de consenso entre apoiadores e detratores da especificação do OOXML, sua recomendação para o voto final polonês seria a abstenção. Como se não bastasse, ela ainda teria "orientado" os membros do comitê com o mesmo "slide secreto", sobre o qual um dos delegados do comitê brasileiro escreveu, e que afirma que 98% dos problemas encontrados na especificação do OOXML já teriam sido resolvidos. O autor do referido slide seria um gerente da Microsoft na Holanda. Andrukiewicz obviamente não concordou com nenhuma dessas acusações, e ameaçou processar qualquer um que as revelasse.



Para finalizar, como não se chegou a um consenso somente com os membros presentes, Andrukiewicz permitiu que os votos dos ausentes fossem coletados via email, sem ter entretanto avisado que aqueles que não manifestassem seu voto por essa via estariam implicitamente votando a favor da especificação. Resultado: dos 24 membros do comitê que no final das contas votaram a favor do OOXML, 7 não votaram realmente, 13 votaram contra e 4 se abstiveram. A União Européia já está investigando o processo polonês com base nessas reclamações.



Na Alemanha o processo também foi conturbado. O famoso Instituto Alemão para Normatização (do alemão, Deutsches Institut für Normung — DIN), criador, entre outros, do padrão de papel A4, utilizado no Brasil, publicou o resultado da votação do seu comitê executivo sobre a proposta do padrão da Microsoft. O resultado foi mais do que apertado: 7 votos a favor da manutenção do resultado da primeira votação (de setembro de 2007), 6 contra e 7 abstenções, sendo que o Voto de Minerva veio do presidente do próprio DIN. Esse voto foi decisivo e evitou uma abstenção da Alemanha no processo. O presidente do instituto alemão teria resolvido participar da votação pois não se tratava de uma "questão técnica". O mais pitoresco nessa história é que nem houve a possibilidade do 'não' ao OOXML na segunda rodada de votação na Alemanha. O instituto ressaltou que a decisão técnica do grupo de trabalho, apresentada no ano passado e que teria levado à decisão a favor da especificação, não era objeto de reavaliação, de modo que não seria possível uma rejeição da proposta: somente a abstenção ou a aceitação, que parece ter sido "extraída a fórceps".



A contagem final deve sair hoje (31/03) e vamos acompanhá-la de perto. Entretanto, com a saraivada de irregularidades que vêm sendo reportadas desde o início do processo de submissão da especificação do OOXML à ISO, resta saber se instituições idôneas — muitas delas centenárias — de normatização no mundo inteiro permanecerão incólumes diante do poder econômico, do lobby e do jogo de conveniências de corporações e governos. Padrões são definidos por instituições sem finalidades lucrativas, com o objetivo puro e simples de servir à sociedade e minorar o gap de comunicação entre os seus países membros. Se eles ficam à deriva e ao sabor dos ventos e marés dos interesses econômicos, a sociedade inevitavelmente sofre. Da mesma forma, a imagem dessas instituições normativas está sob prova no momento. A aceitação ou rejeição do formato como padrão ISO não pode ficar na dependência dos interesses de qualquer empresa que seja, independentemente de quem seja beneficiado ou prejudicado. A sociedade tem a primazia do benefício nesse caso, e é essa preferência que cabe a essas instituições resguardar.



Saiba mais:







Comentários


Outras notícias

Livro sobre Métodos Ágeis disponibilizado livremente

Publicado em: 14/02/2019 às 15:20 | leituras |

"Scrum - Projetos Ágeis e Pessoas Felizes", de autoria de Cesar Brod, disponibilizado de forma livre (Creative Commons) para download e consulta.

Papo de SysAdmin vai lançar Club DevOps

Publicado em: 19/01/2019 às 17:53 | leituras |

Plataforma deverá ser ambiente para reciclagem e capacitação em tecnologias DevOps.

Assespro-PR é o mais novo parceiro de canal do LPI no Brasil

Publicado em: 18/12/2018 às 11:10 | leituras |

A Assespro-PR — Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação —, e o Linux Professional Institute – LPI, firmaram uma parceria que deverá beneficiar as empresas associadas à Assespro-PR, bem como contribuir para a profissionalização do mercado de Software Livre e de Código Aberto no Paraná.

Linux Developer Conference Brazil: faltam poucos dias!

Publicado em: 14/08/2018 às 11:57 | leituras |

Evento será realizado nas dependências da UNICAMP, em Campinas, nos dias 25 e 26 de agosto.

Leitor da Linux Magazine paga meia para entrar no FISL18

Publicado em: 06/07/2018 às 21:05 | leituras |

Parceria entre a ASL.org e a Linux Magazine disponibiliza código promocional que fornece 50% de desconto na inscrição para o FISL18.

DevOpsDays chega a Maringá pela primeira vez

Publicado em: 20/03/2018 às 18:25 | leituras |

O DevOpsDays terá sua sétima edição no Brasil sendo sediada na cidade de Maringá, no Paraná, dias 23 e 24 de março, no Sebrae. O evento acontece em mais de 40 países e nele foi criado o termo "DevOps" (em 2009, na cidade de Gante - Bélgica).

SENAI/Fatesg promove segundo Meeting Hacker Senai

Publicado em: 18/02/2018 às 12:47 | leituras |

No dia 24/02/2018 a partir das 8:00h, o SENAI/Fatesg realizará o segundo Meeting Hacker Senai, com a participação do LPI, da Infomach e da Barketilly.

Certificações LPI: o caminho para turbinar a sua carreira

Publicado em: 13/10/2017 às 15:50 | leituras |

O Linux Professional Institute (LPI) oferecerá provas de certificação na Latinoware, em Foz do Iguaçu, em outubro, na Poticon, em Natal e no FGSL em novembro. Fique antenado! Este artigo elenca as últimas novidades sobre o LPI.

Blog do maddog: Ambientes de nuvem privada virtual

Publicado em: 06/10/2017 às 14:09 | leituras |

O Subutai é uma solução de nuvem de código aberto, ponto a ponto (P2P), segura e estável, que cria ambientes de nuvem privada virtual (VPC) para usuários finais usando um modelo de nuvem de contêineres como serviço (CaaS). O usuário final pode instalar qualquer tipo de serviço, aplicativo ou software de infraestrutura que desejar nas máquinas em execução nessa nuvem.

Ambientes de nuvem privada virtual

Publicado em: 06/10/2017 às 13:23 | leituras |

O Subutai é uma solução de nuvem de código aberto, ponto a ponto (P2P), segura e estável, que cria ambientes de nuvem privada virtual (VPC) para usuários finais usando um modelo de nuvem de contêineres como serviço (CaaS). O usuário final pode instalar qualquer tipo de serviço, aplicativo ou software de infraestrutura que desejar nas máquinas em execução nessa nuvem.

4Linux abre vagas para Líder Técnico em São Paulo e Brasília

Publicado em: 25/07/2017 às 14:12 | leituras |

A 4Linux — uma empresa líder em soluções Open Source e em práticas DevOps — está procurando profissionais para trabalhar como gerente técnico, que tenha bons conhecimentos em Linux e Softwares Livres. São duas vagas: uma para trabalhar em Brasília e outra para São Paulo.

Seminário sobre gestão de privilégios do Linux dá direito a certificado CPE

Publicado em: 23/05/2017 às 10:35 | leituras |

O evento irá abordar a forte disseminação de sistemas Linux em toda a estrutura de informação e mostrará a importância de técnicos da área serem capazes de identificar rotas, especificar controles de acesso para usuários Linux e monitorar a atividade privilegiada do usuário ao longo da rede de informação e, especialmente, na complexidade da nuvem. Participantes poderão requerer gratuitamente os créditos de CPE (Continuing Professional Education).

Novas vagas para os minicursos do WikiLab

Publicado em: 16/05/2017 às 11:59 | leituras |

Novas vagas abertas para os minicursos do WikiLab. Todos que já apoiaram ou apoiarem o projeto WikiLab no Catarse (com qualquer valor) podem participar.

Novo evento "Universidade Livre" será realizado em Belém/PA em 06/05/2017

Publicado em: 28/04/2017 às 11:19 | leituras |

Novo evento sobre Software Livre será realizado no Instituto de Estudos Superiores da Amazônia (IESAM).

Soluti Certificação Digital em busca de especialista Linux

Publicado em: 19/04/2017 às 17:18 | leituras |

A Soluti Certificação Digital está em busca de um profissional para atuar como especialista Linux em Goiânia.

Vaga para analista de TI com experiência em ECM/GED, BPM e BI

Publicado em: 16/12/2016 às 11:12 | leituras |

Renomada empresa de serviços de consultoria em TI, está em busca de um analista de TI para trabalhar em projetos de implementação de soluções ECM/GED, BPM e BI usando os sistemas Alfresco, Activiti, Bonita, Camunda e SpagoBI.

Nova versão do Scalix Groupware oferece suporte completo a IBM Power & IBM Mainframes

Publicado em: 14/12/2016 às 12:59 | leituras |

A nova versão dá liberdade de escolha às empresas para usar as tecnologias mais modernas oferecidas pelo mercado como base para sua solução de e-mail e colaboração

Software Livre e de Código Aberto: uma questão de economia, não de política

Publicado em: 12/11/2016 às 12:36 | leituras |

Os argumentos apresentados neste artigo são todos aspectos econômicos, e não aspectos políticos. Decisões baseadas em política (e não em economia) devem ser lembradas pelos eleitores nas próximas eleições.

Lançamento: E-book E-mail e Colaboração no Século XXI (grátis)

Publicado em: 29/09/2016 às 9:15 | leituras |

A Linux Magazine, em parceria com a Scalix Brasil e a Linux Solutions, acaba de lançar o novo ebook da série "Technology Report": E-mail e Colaboração no Século XXI. Baixe gratuitamente!

Oportunidade na 4Linux - Vaga para Brasília

Publicado em: 25/08/2016 às 9:58 | leituras |

A 4Linux, empresa de consultoria e treinamento especializada em tecnologia Open Source, está em busca de um profissional com o perfil de analista de infraestrutura Linux pleno, para atuar em Brasília.

Lançamento: E-book 101 dicas para usar o Linux como um Profissional (grátis)

Publicado em: 01/08/2016 às 8:19 | leituras |

Baixe gratuitamente o e-book "101 dicas para usar o Linux como um Profissional", contendo os principais conselhos para não se apertar no seu trabalho ao usar e configurar o sistema do pinguim.

Sicoob adota soluções de código aberto e triplica rede de associados

Publicado em: 19/07/2016 às 12:22 | leituras |

A partir do projeto, a empresa pôde substituir mais de 500 servidores físicos de pequeno porte, consolidando todas as transações em três mainframes e 15 máquinas Intel de alto desempenho (high end).

BrodTec é a nova revenda Scalix na Região Sul

Publicado em: 30/03/2016 às 11:20 | leituras |

No mês de março, a Scalix firmou parceria com a BrodTec para que a empresa seja o seu represente oficial no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina.

Linux Professional Institute anuncia seu novo Diretor de Desenvolvimento Regional para o Brasil

Publicado em: 21/03/2016 às 18:51 | leituras |

Há muito tempo incentivando softwares livres e de código aberto, Cesar Brod é, agora, o responsável do instituto para ampliar a formação e certificação em Linux no Brasil.

ASL.Org lança campanha de doação para realizar o FISL17

Publicado em: 05/02/2016 às 21:20 | leituras |

A Associação Software Livre (ASL.Org) iniciou nesta quinta-feira (4) uma campanha de arrecadação de fundos para a continuidade de seus trabalhos, entre eles a organização da 17ª edição do Fórum Internacional Software Livre (FISL17), que acontece de 13 a 16 de julho em Porto Alegre.


Mais notícias


lançamento!

LM 119 | Backup e Restauração




Impressa esgotada
Comprar Digital  R$ 10,90 Digital

  1. Soluti Certificação Digital em busca de especialista Linux

    Publicado em 19/04/2017 às 17:18 | 626317 leituras

  1. Seminário sobre gestão de privilégios do Linux dá direito a certificado CPE

    Publicado em 23/05/2017 às 10:35 | 543643 leituras

  1. Baixe o curso de shell script do Julio Cezar Neves

    Publicado em 07/04/2008 às 19:41 | 525147 leituras

  1. 4Linux abre vagas para Líder Técnico em São Paulo e Brasília

    Publicado em 25/07/2017 às 14:12 | 390380 leituras

  1. Novo evento "Universidade Livre" será realizado em Belém/PA em 06/05/2017

    Publicado em 28/04/2017 às 11:19 | 333481 leituras

  1. Novo programa de escrita profissional no Calligra 2.6

    Publicado em 19/10/2012 às 11:25 | 18732 leituras

  1. Dell lança tablet Streak 7 e prepara versão corporativa

    Publicado em 19/01/2011 às 11:17 | 16563 leituras

  1. Fedora 18 adiado em mais uma semana

    Publicado em 17/10/2012 às 15:11 | 16225 leituras

  1. CPqD terá de aceitar mudanças para não fechar as portas

    Publicado em 10/06/2015 às 12:47 | 13036 leituras

  1. Brasileiros criam rede social para garimpar compras em e-commerce

    Publicado em 11/01/2011 às 12:54 | 13890 leituras

whitepapers

mais whitepapers